5 de maio de 2011

Em frente à nossa casa tem... a caixa de correio!

Tomás não nega a raça e gosta de livros. Brinca de tudo, corre, joga bola, se esconde, empurra carrinho, assusta passarinho, assiste Dora (adora o mapa!), Backyardigans e tudo mais. Mas volta e meia ele puxa um livrinho da estante e bate no chão ao lado dele me chamando pra sentar e ler.


O livro preferido dele agora (1 ano e cinco meses) é uma delícia, o preferido da mãe e do pai também. "Em frente à minha casa" (vejam o vídeo de divulgação!) da Marianne Dubuc, lançado pela WMF Martins Fontes em 2010.

A história começa mais ou menos assim: "No alto de uma colina, atrás de uma cerca marrom, embaixo de um carvalho tem..." aí você vira a página: "minha casa". Na página ao lado, continua:
"Em frente a minha casa tem..." - vira a página -
"uma roseira".
"Em cima da roseira tem..."
"um passarinho."
"Atrás do passarinho tem..."
E vamos passeando por um livro histórias infantis, depois em uma floresta, e uma montanha, e uma gruta, e no espaço, o mar e ao final voltamos para uma casa no alto da colina pra começar tudo de novo. Na primeira vez que a gente lê tem aquele suspense do "e agora?". Mas não enjoamos da histórinha mesmo depois de 257 leituras (e contando! ufa!)

O Tomás abre o livro de qualquer jeito e a gente começa de qualquer parte, sem prejuízo nenhum. Ele pula as páginas (tem só um ano e quatro meses, não consegue folhear direitinho) e parece que nem assim o negócio perde o sentido... Atrás da roseira tem um urso? OK. Atrás do pirata tem um orangotango? Legal!

Tomás gosta especialmente da escuridão: "Na escuridão tem... um rugido" e ele faz "Uarrrrr...", do vampiro (ele chama de macaco: diz ah! ah! e coça a cabeça), do leão "Uarrrrrr..." e do orangotango, que aparece na quarta capa também. Brincamos de virar rápido da página pra capa, orangotango, orangotango, orangotango, orangotango...

O livro é uma delícia e passou meio despercebido aqui no Brasil. Foi traduzido em 11 línguas e está sendo vendido em 12 países. Encontrei o blog da Jill Tullo, sobre os livros que ela lê com os dois filhos e ela conta como é ler o livro com uma criança mais velha. Bem divertido imaginar o Tomás gritando as coisas que estão na outra página! Outra coisa legal que eu imagino que dê pra fazer é comprar o livro em várias edições para ler em outras línguas. Ah, se o dinheiro fosse infinito!

O site da escritora e ilustradora é fofíssimo. No portfolio dela há algumas ilustrações do livro, como esta aí em cima, das coisas que estão dentro do lobo mau. E os outros livros dela parecem tão divertidos quanto o "EfmC".

O livrinho conseguiu o 3o. lugar em design de livros no Canadá no prêmio anual da Alcuin Society e foi indicado para vários outros prêmios.

Update: fiz um vídeo pro livro pra semana de literatura do Mamatraca! Eu sou a última da página: assistão!

Um comentário:

  1. Gostaria de comprar este livro mais não o encontro em nenhuma livraria. Como faço para adquirir um? Quem teria um para me vender?

    ResponderExcluir