12 de agosto de 2012

Nossa rotina de adormecer

Esse mês o Mamatraca teve uma semana dedicada ao sono dos filhos e, é claro, das mães. Elas pediram um vídeo contando da experiência de sono das leitoras... quis fazer, mas não consegui. Então estou escrevendo aqui como é em casa.

A rotina de sono do Tomás começa lá pelas 7 e meia da noite, com a janta. A gente tenta fazer com que ele coma bem. Um prato balanceado, carboidrato, proteína, vegetais. É relativamente fácil, porque ele gosta de cenoura, tomate, brócolis, morango... e de macarrão, de arroz. Quase sempre ele come direitinho.

Então ficamos brincando e assistindo TV até às 8:30, hora do banho. Quando termina "Cheias de Charme", que eu e marido adoramos. Depois do banho, lemos juntos, geralmente umas três histórias. Então ele dá um beijo no pai, em mim e leva um livro pra cama. São umas 9:15, ele "lê" sozinho por uns 4, 5 minutos e chama "Cabou".

Então é a hora de dormir. Desligo a luz, guardo o livrinho e sento nos pés da cama com ele, quieta, até ele pegar no sono. Geralmente não demora muito, 9:30 eu já estou "dispensada" do trabalho de mãe do dia e vou curtir um pouco a vida até as 11 horas.

silêncio... o bebê dormiu!
Mas se ele está um pouco agitado ainda, nós usamos uma tática que inventamos quando ele ainda dormia no berço. É uma forma de incentivar o esforço dele em tentar dormir. Só ficamos com ele se ele ficar quietinho e de olhos fechados. Se ele ficar bagunçando, mexendo nas coisas, fazendo estripulia, marido e eu vamos para a sala. Só voltamos se ele prometer que vai ficar quietinho.

E dá certo desde os dois aninhos...

Tentei outras coisas... mas não vejo muito sentido em sair do quarto quando ele está calmo, sabendo que ele vai chorar e eu vou ter que voltar e acalmar, até a eternidade. Então faço o contrário: saio se ele está bagunçando e volto quando está quietinho. Ele quer se sentir seguro para dormir e eu quero que ele pegue no sono com o menor estresse possível!

Por isso, quando ele está doente ou machucado (ontem ele ralou o joelho na calçada) eu me deito com ele na cama, pra acalmá-lo um pouco.

E não temos problema com a hora de dormir, não... já quanto a acordar de madrugada...




---
Mais filhos:

- Feijão no ouvido, giz no nariz
Meu terrível dois e o inverno
O desfralde para pães que trabalham
Aproveitando oportunidades para falar sobre o trabalho da mamãe
Livros para pães: Cultivando um leitor desde o berço, Diane Mcguinness
Pãeternagem



4 comentários:

  1. Você deveria ter conhecido meu primo. Se recusava a ir para a cama, dormia no sofá, e quando meu tio o acordava para levá-lo ao quarto começava o berreiro. Tem pais que não levam jeito, não adianta o que faça. Eu por exemplo, sou coração mole, se tenho um filho e ele chora em dois segundos estava no pé da cama. É algo em que treinar, desde já.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olha, Luciano, com tantas teorias divergentes dos especialistas sobre o sono das crianças, eu inventei a minha, que reúne várias. Tem a cama compartilhada, por exemplo, até a criança decidir dormir sozinha e tem o nana nenê, que prega deixar a criança chorar sem acalentar, apenas estando presente no quarto (o horror).

      O meu caso é um meio termo, eu fico até adormecer, sempre vou verificar o que está acontecendo, mas no quarto e na cama do Tomás. Quando está muito frio até trago o bichinho pra nossa cama, às vezes ele se gela todo e chora de frio, querido, e não tem coisa melhor pra esquentar que o calor humano!

      Quando ele for maiorzinho ele vai entender tudo, aos poucos, no ritmo dele. Até lá, quanto menos choro, melhor. Eu escolho minhas batalhas...

      Excluir
    2. Acho que está fazendo da melhor maneira possível, sem estresse desnecessário e perda de energia com gritos. Mas criar filhos é uma arte complicada, e poucos estão preparados - ou tem condições - para tanto. Admiro a forma como educa seu pequeno, que bom seria se mais pais agisse assim.

      Excluir
    3. Virge... tem horas que não dá pra evitar um grito viu? Não dá pra se controlar o tempo todo! Mas na hora de dormir, comer e usar o penico eu evito ao máximo!!!

      =P

      Excluir